19 de novembro de 2012

Conselho sobre casamento 5


Olá Presbítero. A Paz do Senhor,

Sou aquela esposa que não consegue aceitar que depois de 14 anos, meu marido queira se separar de mim por tão pouco.
Meu coração vive aflito, estou me acabando de tanta tristeza, choro dia e noite, estou desesperada e não sei o que fazer, por favor me dê uma luz.
Ultimamente pedi ao meu quase ex-esposo que saísse de casa mesmo a casa sendo da mãe dele.
A situação está insustentável, estou me esforçando ao máximo para cumprir minhas obrigações, também voltei pra igreja, tenho orado bastante e estou me sentindo com muita paz no coração.
Ele por sua vez, não quer voltar pra igreja, está frequentando a casa de uma irmã dele que nunca se importou com ele mesmo morando bem próxima.
Sinto que quando ele se afasta da casa dela é uma pessoa e quando vai pra lá nem com nosso filho se importa. E o pior de tudo, é que depois que passou a frequentar a casa dela passou a beber, e acha que estou sendo rígida demais.
Obrigado e fique na graça de Deus!




Minha irmã,
De tudo o que você escreveu, tenho por certo que a coisa mais certa que você fez e está fazendo é ter voltado aos pés da cruz.
O Caminho não é fácil.
Deus nunca nos prometeu ausência de dificuldades aqui neste mundo, mas nos garantiu uma chegada segura. ("Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo" – João 16.33).


0 comentários: on "Conselho sobre casamento 5"